Páginas

Tudo por acaso, ou talvez não.




 Era uma noite solitária, meus pais haviam viajado, e meus irmãos estavam dormindo. Tardei para conseguir dormir, as três da madrugada acordei, estava com uma sede incomparável, coloquei os pés no chão tentando procurar meus chinelos, peguei-os e fui até a cozinha, abri a geladeira e aquela luz veio no meu rosto como se eu estivesse dormindo a séculos, peguei a garrafa d’agua e puxei a tampa, quando deixei a cair no chão, coloquei o copo no balcão, e liguei a luz, o que tirava mais ainda meu sono. Abaixei, a procura da tampa, quando vi um papel embaixo da geladeira, eu não me lembrava daquilo, estava querendo voltar para a cama logo, porém me estiquei mais um pouco e levei minha mão até lá. Ufa, depois de muitas tentativas consegui. Aquela foto estava cheia de poeira, limpei na minha blusa mesmo, minha curiosidade não me deixaria ir buscar algum tipo de pano. E a cada parte que limpava, meu coração disparava mais, ao final de todo aquele esforço apareceram dois rostos, um era o meu, e o outro... Bom, o outro era de uma paixonite dos tempos da 8º serie, aquela foto seria uma montagem que eu havia feito, já que não éramos tão próximos assim, havíamos ficado apenas uma vez, porém eu ainda gostava dele, ou talvez não, não sei. Nunca admiti isso pra mim mesma, a vontade que tive era de rasgar aquilo na mesma hora, mas saberia que iria me arrepender. Fiquei olhando fixamente por alguns segundos aquela foto, e de repente veio uma saudade daquilo, e sorri pra mim mesma. Desliguei a luz, peguei a tampa, guardei, e fui correndo pro meu quarto, é eu estava com sede, mas de repente aquela sede havia desaparecido. Entrei no quarto, fechei a porta, tirei a gaveta do guarda-roupa, e peguei meu diário, que estaria escondido lá. Procurei durante algum tempo, as paginas que falava dele, até que achei, peguei um adesivo, e colei a foto lá. Comecei a lê tudo que havia escrito sobre ele, e comecei a lembrar de tudo, como uma linha do tempo, aquelas retrospectivas que o facebook  oferece todo final de ano, era quase isso, comecei a rir, e me arrepender de não ter tomado algumas atitudes, mas enfim, tudo aquilo de alguma forma haveria valido a pena. Peguei a minha maquina de escrever e comecei  a falar sobre isso, aquilo de alguma forma haveria me deixado inspirada. Não sabia por que, mas estava feliz com aquilo, não queria me iludir, mas já estava na segunda pagina, e estava gostando daquilo, não conseguia parar... O sol surgiu pela janela do meu quarto iluminando meu rosto, eu havia dormido sobre a maquina, levantei abri a janela, e sorri pra mim mesmo, algo novo tinha surgido em mim, talvez fosse o ano novo, talvez fosse... Bem, isso não importa, e sim que não poderia deixar aquilo tomar conta de mim, aliás, o que passou passou, ou talvez não... 

(talvez eu faça continuação, talvez)
Angélica Pinheiro. 

12 comentários

  1. Você escreve muito bem :)
    Parabens


    beiijokas

    se puder acesse meu blog: http://cherryacessorioseafins.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa muitas vezes eu acordo a noite
    tbm com uma sede incomparável,
    mais acontece o mesmo que
    aconteceu com ela ..

    ResponderExcluir
  3. Não sabia que você escrevia <3 que lindo Gel, muito lindo :') isso é de vdd?

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto, é raro encontrar um texto tão bom assim hoje em dia *-*
    Espero que retribua a visita ^^

    http://meuskaterosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Laiali Safa
    escrevo sim <3 só que as vezes fico com receio de postar e tal... Que bom que gostou :')

    ResponderExcluir
  6. Nossa! me vi nessa historia, Angélica. Vc escreve super bem^^ Ah.. continua vai.. quero saber o resto rrs
    Passa la no ADV, bjss
    http://apenasumdiariovirtual.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Gostei bastante da escrita
    Parabéns

    Beijos
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. texto perfeito :).
    1° visita de muitas, bjs.

    http://www.happinesliveshere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Ahhh que texto mais lindo!! Você escreve bem pra caramba, viu?

    Beijinhos, Lari do http://bylarissamocellin.blogspot.com.br/ (L)

    ResponderExcluir

Sejam bem vindos :) O seu comentário é muito importante, não deixem de opinar, deixar criticas, sugestões e etc. Deixe o link do seu blog que retribuirei a visita
@angelicapmota

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger