Páginas

Olho no olho, ou melhor. Olho na tela.

Olho no olho, ou melhor. Olho na tela. Na webcam. Que não deixaram de ser olhares apaixonados. Entrelaçados. Brilhosos. Que queimavam um no outro. Olhares sorridentes, cativantes. Que transmitiam milhares de sensações. Divididos por uma distância, enorme. Mas que a tecnologia amenizava, o amor acalmava, cativava.

Olhares que transmitiam desejos, milhares. Desejo de se encontrar, se abraçar, se entrelaçar. Desejo de ter um ao outro, ali, agora. Desejo de arrancar a saudade dali de dentro. Saudade de algo que nunca se viu, mas que não deixa de ser saudade. Milhares de km de distância, milhares de km de saudade, de amor, amizade.

Pediam que se encontrassem, que a distância fosse amenizada. Uma vez eu li que quando se deseja algo do fundo do coração, o desejo corre mil vezes por todo o céu. Como um foco de luz sobre todas as cores do arco-iris, voando sem parar por um milhão de moléculas magicas no infinito. E quando finalmente toca Deus o pedido se realiza.

Isso já devia ter acontecido, os dois desejavam aquilo não só do fundo do coração, do fundo da alma. Com todas as suas forças possíveis, e imagináveis. Era como nos filmes de amor, como nas histórias, só que era real. Não tinha roteiro, não tinha trama, só amor.

Denominam amor virtual, eu dominaria amor, amor, verdadeiro. Apenas amor. Sem rótulos. Sem estratégias. E era, de certa forma, o melhor amor imaginável. Não tinha a bruaca da escola pra tentar impedir algo, ou a falação das velhas do andar de baixo. Não tinha terceiros. Na verdade, não tinha ao menos nem segundos.


Eram apenas um, em um todo.

8 comentários

  1. Nossa que texto lindo eu amei, estou seguindo seu blog é lindo
    xoxo

    Inventando Moda
    criandodesigner.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Escreves muito bem! Vim retribuir a visitinha e já estou seguindo!!!!
    bjus

    Esmaltes da minha caixinha

    ResponderExcluir
  3. Oii.. parabéns pelo blog ele é encantador e pelo texto, que é excelente!
    Obrigada por seguir meu blog. Tô seguindo aqui e no Twitter também.
    Beijoos ;**

    Leitora Online

    ResponderExcluir
  4. Que texto lindo. Me fez lembrar muito do meu ex namorado virtual, era um amor sem limites, e ninguém nos impedia de sentir aquele amor. É tão bom amar à distância, mas ao mesmo tempo tão ruim. ><

    BLOG: NAHBOA?!
    FANPAGE: NAHBOA?!

    ResponderExcluir

Sejam bem vindos :) O seu comentário é muito importante, não deixem de opinar, deixar criticas, sugestões e etc. Deixe o link do seu blog que retribuirei a visita
@angelicapmota

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger